O ciclista holandês de 24 anos, Mathieu Van der Poel, conseguiu uma vitória na Amstel Gold Race 2019 que será recordada por muito tempo!

O bicampeão do Mundo (e Europeu) em ciclocrosse, Van der Poel já conta com 6 vitórias em 15 dias de competição na temporada, e a sua última proeza foi a de conquistar a vitória da Amstel Gold Race, num final absolutamente galáctico.

-Publicidade-

A 35 quilómetros da meta, o Francês Alaphilippe da equipa belga Quick Step-Deceuninck lançou um ataque e com ele arrastou o poderoso Jakob Fuglsang da Astana. Ambos os atletas mantiveram a vantagem justa mas suficiente para o resto da corrida, de forma a poderem chegar sozinhos ao último quilómetro.

Mas em uma perseguição amarga e angustiante, Van der Poel começou a atacar sozinho, na cabeça do grupo perseguidor. Michal Kwiatkowski juntou-se ao grupo de Alaphilippe e Fuglsang, e graças a esta constante luta, tudo parecia sorrir ao atleta francês, Alaphilippe, conhecido pela sua velocidade e como um grande finalizador.

A faltar 1 quilómetro para o final, ninguém apostaria na sua vitória, mas Van der Poel é capaz do impossível.

Mas Van der Poel, o menino prodígio, que atravessa um estado de forma invejável, aparecia na última curva com velocidade tal, que o grupo que o perseguia não conseguiu acompanhar. E em uma assentada passava por Kwiatkowsk, Alaphilippe e Fuglsang – que foram apanhados de surpresa, como uma autêntica locomotiva.

 

Um final absolutamente galáctico em que até o próprio Van der Poel ficou surpreendido, colocando a mão na cabeça após cortar a meta.