Campeão nacional de Enduro mediu forças com os melhores do mundo na terceira ronda da EWS disputada na Madeira.

José Borges | Foto Dave Trumpore

José Borges foi segundo classificado da terceira ronda da Enduro World Series – EWS Powered by Freeride Madeira – e que reúne os melhores especialistas mundiais da disciplina. O atleta da Miranda Racing Team superou o seu melhor registo na EWS para conquistar o segundo lugar final finda a segunda jornada de competição.

-Publicidade-

O triunfo foi pertença do belga Martin Maes, atual líder do troféu e vencedor de seis das oito classificativas da prova. Maes totalizou 32m59s de prova superando em 32 segundos ao atual campeão nacional da especialidade. Borges foi regular entre os primeiros mas foi nas duas derradeiras provas especiais cronometradas – nas quais foi segundo – que cimentou o segundo lugar final. Jesse Melamed terminou na 3ª posição.

Os ares da Madeira foram uma vez mais benéficos ao corredor de Santa Maria da Feira – aqui conquistou o título nacional no ano passado – e que somou o seu melhor resultado do ano na EWS, após o 11.º na ronda inaugural, na Nova Zelândia e 19º posto na segunda ronda da EWS na Tasmânia

Emanuel Pombo

No regresso à Madeira da EWS após a primeira experiência em 2017, o madeirense Emanuel Pombo foi 10.º classificado. Outro Português, Tiago Ladeira conseguiu o 5º lugar nos sub-21, na sua estreia no Enduro World Series.