Márcio Barbosa e Raquel Queirós venceram a quarta etapa da Taça de Portugal de Ciclocrosse, disputada na Quinta do Conde em Sesimbra. Miguel Salgueiro e Isabel Caetano continuam no topo da geral de elite.

A corrida masculina de elite foi palco de uma exibição consistente de Márcio Barbosa (Aviludo-Louletano), que se manteve na frente da corrida da primeira à última volta, comemorando o triunfo em solitário. O segundo classificado, a 19 segundos, foi Roberto Ferreira (BTT Seia), seguindo-se, a 1m18s, Bruno Silva (Quinta das Arcas/Jetclass/Xarão).

4ª etapa da Taça Portugal Ciclocrosse – Pódio Masculino
-Publicidade-

A uma prova do final da Taça, ainda há três corredores com possibilidades matemáticas de conquistar o troféu. Miguel Salgueiro (Sicasal/Constantinos/Delta Cafés) continua na frente, com 178 pontos. O segundo é Vítor Santos (Quinta das Arcas/Jetclass/Xarão), com 140, e o terceiro é Roberto Ferreira, com 135.

Feminino

A sub-23 Raquel Queirós dominou a prova de elite feminina, cortando a meta isolada, com 1m22s de vantagem sobre a campeã nacional, Sandra dos Santos (CC Périgueux Dordogne), e com 2m07s à melhor sobre Marta Branco (Maiatos), segunda e terceira, respetivamente.

4ª etapa da Taça Portugal Ciclocrosse – Pódio Feminino

A vitória de Raquel Queirós (Quinta das Arcas/Jetclass/Xarão) acabou por “defender” o primeiro lugar da ausente Isabel Caetano na geral, pois impediu uma maior aproximação de Sandra dos Santos. Isabel Caetano está no topo da tabela, com 150 pontos, mais 15 do que Marta Branco. Seguem-se Raquel Queirós e Sandra dos Santos, ambas com 100 pontos. As quatro ciclistas ainda podem sonhar com a conquista da Taça de Portugal.

Outras Categorias

Ana Santos (UC Vila do Conde) foi a única corredora a competir na categoria sub-23 feminina, assegurando a vitória na geral. Tiago Sousa (UC Vila do Conde) impôs-se em juniores, passando para o comando da geral.

Tomás Sacramento (Maiatos) reforçou a primazia em cadetes com a vitória deste domingo. Na mesma categoria, mas no setor feminino, há duas ciclistas com razões para sorrir, Leonor Moreira (BTT Matosinhos), por ganhar na Quinta do Conde, e Mariana Líbano (Maiatos), por manter-se no lugar mais alto da geral.

O melhor master 30 em Rebordosa foi Michel Machado (Vasconha BTT Vouzela), mas Rogério Matos (Rompe Trilhos/Ajpcar), quinto na prova de hoje, segue na dianteira. A espanhola Isabel Borrero (Ciclismo Superprestigio) dominou em master 30 femininas, mas Andreia Freitas (BTT Loulé/Elevis) já garantiu a conquista do troféu. segurou a primazia na Taça. Hugo Moreira impôs-se em masters 40 e subiu ao topo da geral nesta categoria. António Sousa venceu a corrida de master 50 e passou a partilhar o primeiro lugar na Taça com António Moreira.

Dia 20 de Janeiro, disputa-se em Melgaço, a quinta e última prova da Taça de Portugal.