A Gore Wear dispensa apresentações… detentores da tecnologia Gore-Tex, usada numa variedade imensa de têxteis, o fabricante americano cria produtos altamente funcionais de tecnologias de tecidos líderes mundiais para oferecer simplicidade no ponto de extrema necessidade.

A empresa cria produtos de alta-gama que dominam os elementos optimizando o conforto, a respirabilidade, a leveza, a proteção contra intempéries, o isolamento e a versatilidade.Uma das gamas que a empresa oferece, é o Gore Windstopper, produtos totalmente à prova de vento que oferecem máxima respirabilidade, para manter o utilizador confortável em condições climáticas frias e ventosas.

-Publicidade-

Estes produtos são compostos com uma membrana totalmente à prova de vento, mas extremamente respirável, que bloqueia o vento e permite que o vapor escape. Essa combinação de proteção e respirabilidade minimiza o efeito de resfriamento do vento, reduzindo o risco de transpiração quando se está ativo.

Teste

As Luvas Gore C5 Windstopper foram desenvolvidas especificamente para o ciclismo, e são perfeitas para enfrentar condições meteorológicas variáveis graças à membrana Windstopper que protege contra vento e chuviscos mantendo uma boa respirabilidade.

São muito confortáveis e leves. Para quem não gosta de usar luvas muito volumosas e que aquecem as mãos à medida que nos mantemos activos, este é o produto ideal, pois protege do primeiro contacto com o frio (vento), mas mantêm as mãos a uma temperatura equilibrada sem transpiração.

Nas costas da mão tem impresso o logótipo em material refletor e o fecho em velcro é fácil de abrir e fechar (mesmo com as luvas) e mantém-na bem segura. O dedo indicador,  médio e polegar receberam um reforço na ponta, o que aumenta a durabilidade desta luva, sendo que são os dedos que fazem mais pressão.

Na parte interna da mão tem pequenas faixas de silicone, na ponta do polegar e em vários pontos dos dedos, para oferecer aderência ao punho. Em conjunto com o material anti-derrapante do qual é revestido a palma da mão, oferece uma excelente condução da bicicleta.

A faixa de silicone no dedo indicador faz uma diferença tremenda em questões de aderência quando de trata de usar o travão

Tem muito bons acabamentos, não se sente qualquer tipo de costura interior e a conjugação entre os diversos materiais que a compõem foi bem conseguida. São compatíveis com ecrãs táteis e em termos de design são fantásticas. A membrana Windstopper e o revestimento exterior protege apenas contra aquele orvalho matinal, mas nada mais que isso, estas luvas não são para pedalar à chuva!

No que diz respeito ao corte do vento, senti em situações de descidas mais rápidas que a luva deixa passar algum frio (Clima 8º/10º). Se esta situação ocorrer logo no inicio da pedalada, é suficiente para causar algum desconforto. Contudo, após estarmos a pedalar e a temperatura do corpo a subir, deixa de se sentir. – Isto deve-se ao facto de a luva não ter propriedade de isolamento térmico, uma vez que não se trata de uma luva de Inverno com isolamento.

– Composição da luva:

  • Costas da luva: 87% poliéster, 13% elastano com membrana Windstopper
  • Interno: 100% Poliéster
  • Palma: 60% Poliamida e 40% Poliuretano

– Capacidades das Luvas Gore C5 Windstopper:

Veredicto

As C5 Windstopper são extremamente confortáveis e ideais para os primeiros dias de inverno frios e secos. O tipo de tecnologias e materiais envolvidos na sua produção pode ajudar a justificar o preço, o que não é estranho para um par de luvas com algum tipo de protecção térmica.

Confortáveis e leves como umas luvas de Verão, mas com algo mais, que oferece uma proteção térmica média para dias de frio. A qualidade dos materiais é boa e alguns pormenores fazem com que também seja um produto com boa durabilidade. Umas luvas, na minha opinião, muito bonitas que ficam bem em qualquer mão. Definitivamente recomendadas!

Para mais informações, visitem a página da Gore Wear.

REVISÃO GERAL
Desempenho
9
Qualidade
9.5
Preço
7.5
Fundador e editor do bttclub.pt. Gosto dos desafios e da aventura que as duas rodas me proporcionam, mas acima de tudo gosto da liberdade do pedal! Nada se compara aquela sensação de pedalar na manhã fresca acompanhada do raiar do sol...